Castle – Como não amar?

Confesso que ando beeeem viciada em Castle. Para quem não conhece (recomendo!) é um seriado em que um autor de best sellers começa a participar de investigações criminais para ter uma inspiração a mais em sua nova série de livros. E digamos que sua inspiração a mais tem nome: Detetive Kate Beckett, também conhecida como Nikki Heat. O enredo traz a solução de crimes violentos, mas o humor prevalece e cada personagem parece mais próximo da gente à medida que as temporadas avançam.

Mas, dois detalhes recém descobertos fizeram com que eu me apaixonasse ainda mais por esse seriado. Vamos lá:

1. A noite de poker com autores reais

No começo eu desconfiei, mas a certeza mesmo veio com aquela “googleada” básica do tipo cara-crachá. Castle, personagem fictício, joga poker com autores reais – best sellers, claro. Na lista: Michael Connelly (Cidade dos Ossos; O Espantalho; O Poder e a Lei), James Patterson (O Dia da Caça; Eu, Alex Cross;), Stephen J. Cannell (The Tin Collectors; The Plan; foi também roteirista de mais de 450 episódios de seriados para a TV – Esquadrão Classe A é um deles) e Dennis Lehane (Mystic River; Ilha do Medo; Gone, Baby, Gone). Stephen J. Cannell faleceu em 30/09/2010 e foi homenageado no episódio The Dead Pool.

2. Os livros de Nikki Heat realmente existem

Ainda existe o mistério sobre quem realmente escreve os livros, mas “Richard Castle” tem até uma página na Amazon, que menciona que o autor ganhou vários prêmios e que é o autor da série de livros de Derrick Storm. Tirei o chapéu para esse tipo de divulgação. É impossível não ter vontade de ler os livros fictícios ao ver o seriado. Além dos 4 títulos Heat Wave, Naked Heat, Heat Rises e Frozen Heat, existe uma HQ chamada Castle: Richard Castle’s Deadly Storm. E sabe o que mais? Nikki Heat é best seller de verdade. New York Times que o diga.

Se a curiosidade sobre o seriado é grande, aí vai uma compilação de cenas de Richard Castle que achei no YouTube:

Etiquetado , , , , , , ,

Tecnologia pra gente ser mais feliz

Hoje eu li um post no Gizmodo muito bom, falando sobre como as pessoas, mesmo com tanta ajuda tecnológica, não estão felizes. Se o post foi bom, o vídeo foi melhor ainda. Confira:

Etiquetado , , ,

Monet. Tem certeza?

Monet pintou muitas vezes sua ponte japonesa.

Só que essa não é a original. Olhe mais de perto:

Tom Deininger, conhecido por fazer arte a partir de objetos que ele e seus assistentes encontram, fez essa reprodução da famosa obra de Monet, usando brinquedos. Confira o vídeo:

Monet from Thomas Deininger on Vimeo.

Que tal comparar com a original?

Leia a entrevista que o artista deu à Interactive Blend

Etiquetado , ,

Alinhavos

Conta outra história
Porque essa não é tua
Nem linhas, nem novelos
Nada é tecido
Pesos de papel afundam
Quando o tempo é amargo
Fixa aqui, sente ali
Perde
Nada colhe, nada cose
Alinhava as palavras
Passadas a limpo
No papel de seda impresso
Sem pressa nessa vida
Medida
É corte, é molde
Agulha
Ponto

Etiquetado , ,

Academia de freerunning e parkour com estilo Super Mario Bros

Que tal treinar seus movimentos de parkour em um ambiente Super Mario Bros?

Uma academia da Califórnia fez exatamente isso. Foco diferenciado e totalmente preparado para movimentos inusitados.

Bora?

Etiquetado , ,

Foo Fighters – Back and Forth

Sabe aquelas surpresas que fazem a gente sorrir de orelha a orelha? Aí vai uma:

 

Já estou esperando ansiosamente pelo resultado!

Enquanto isso, se você quiser ouvir o novo álbum deles, aproveite.

 

Etiquetado , , ,

Google Art Project

Eu ficaria horas olhando para uma obra de arte.

E garanto que, depois dessa iniciativa do Google, você também vai ficar.

Com o Google Art Project você passeia por diversos museus do mundo e, de quebra, admira, degusta e suspira vendo lindas obras de arte. No estilo Google Street View, é possível brincar pelos corredores de lugares, como o Moma e o Palácio de Versailles. E ainda consegue criar uma coleção pessoal de obras artísticas.

Inesquecível!

Conte para todo mundo: Qual museu você mais gostou? Qual obra chamou sua atenção?

Deixe seu comentário :)

Etiquetado , , ,

Bad writing – O filme

Bad writing, no donuts for you.

Este documentário fala sobre talento literário, processo criativo e sobre o que faz um escritor ser bom ou ruim.

Certamente está na listinha de filmes que quero ver.

Confira o trailer:

Para saber mais, go go go!

Etiquetado , ,

Disney Nature

Cada dia mais a Disney Nature me surpreende com seus filmes belíssimos e cheios de poesia.
Nunca é tarde para a gente perceber o quanto nossa casa maior, a Terra, é tão bonita e cheia de vida.

E, para o dia 22 de abril está prevista a estreia de African Cats. Mais uma explosão de imagens e cores, que contam a história de duas famílias de felinos.

Deixo para vocês o trailer:

Para saber mais sobre a Disney Nature e os próximos filme, veja este link.

Etiquetado , , ,

Contando as horas

Daqui a algumas horas começa a venda de ingressos para o show do U2 com abertura do Muse.
Nem preciso falar que é imperdível e que eu vou ficar que nem uma doida plantada na frente do computador até conseguir comprar.
Positive vibes, positive vibes!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: